“Diferente”, Massa tenta virar o jogo em Melbourne

20130315-173259.jpg

Os jornalistas que acompanham a abertura do mundial de Fórmula 1 em Melbourne, são unânimes em relação ao comportamento de Felipe Massa durante as entrevistas: o brasileiro está diferente, lembra a postura do fim da temporada passada. Confiante e concentrado, Massa demonstrou maturidade em falar de sua posição dentro da Ferrari – esta é a sua oitava temporada vestindo o macacão vermelho da Scuderia. Ciente de sua importância para o ambiente da equipe sabe que adotar o discurso de vencer o Alonso é um erro grave e pode comprometer a sua temporada – fato este que mexeu com seu psicológico nos últimos anos. Quem não lembra do “Alonso is faster than you…”? Pelo visto, esse episódio é pagina virada pro brasileiro.

Em Melbourne, Felipe terá que “brigar” contra sua fama de azarado no traiçoeiro circuito de Melbourne. Das dez vezes em que disputou o GP da Austrália, Massa completou apenas três. Desses, nenhum pódio. Como é pouco utilizado ao longo do ano, o circuito de Albert Park apresenta um asfalto liso, com baixa aderência e poucas áreas de escape. Um desafio e tanto para os pilotos e equipes.

Nos treinos livres dessa sexta, Massa completou 32 voltas. Na melhor passagem, o brasileiro registrou 1:26.855, o que valeu a oitava posição do dia, +0.9 do alemão Sebastian Vettel. O brasileiro enfrentou problemas no Kers durante o segundo treino livre, o que o impediu de conseguir um melhor resultado. Pra fechar o dia, ainda recebeu uma multa por ultrapassar o limite de velocidade de 60km/h no pit-lane. Pela regra, qualquer piloto que exceder o limite será multado em €200 por cada quilômetro excedido. Massa terá que desembolsar €1.400.

Que leve consigo um ramo de arruda na orelha e mais algumas mandingas no resto do final de semana. Saravá!

Anúncios

Prenda a sua respiração

A temporada 2013 começa em começa na próxima quinta, no circuito de Albert Park, em Melbourne, Austrália e o cevadabuster.com está de volta. Como sou bacana, publiquei esse vídeo abaixo como aperitivo pra vocês. Durante sete minutos você vai viajar no tempo: disputas, dramas, acidentes, incidentes… motivos não faltam para eu gostar dessa bagaça. Ao final, verás como a frase que abre esse vídeo, faz todo sentido. Hold your breath! #TamoJunto